Controle de tráfego do futuro será conectado aos carros

No futuro, os controladores de tráfego poderão se comunicar diretamente com os motoristas, enviando alertas para as telas nos painéis de carros conectados, através das redes celulares. Avisos como bloqueios de estradas, obras, limites de velocidade e pistas escorregadias poderão ser enviados em massa para os automóveis e de acordo com o local por onde trafegam. Será uma via de mão dupla, pois os centros de controle de tráfego receberão também dados dos carros, sendo informados de acidentes, por exemplo. Também poderão usar de forma coletiva os dados recebidos, identificando pontos de congestionamento. Essas informações complementariam outras fontes usadas por tais centros de controle hoje, como câmeras e sensores.

Notícias relacionadas

Essa é a visão da Ericsson para o futuro do trânsito. A companhia apresentou nesta segunda-feira, 2, a sua solução de "Connected Traffic Cloud", uma plataforma para ser integrada a centros de controle de tráfego e gerenciar os dados enviados e recebidos para carros conectados. Obviamente, cada prefeitura precisará, junto com a Ericsson, firmar acordos com os fabricantes de automóveis para a integração. E os motoristas precisarão concordar com o envio de seus dados, ainda que para uso de forma anônima e consolidada. A empresa está negociando os primeiros testes em algumas cidades.

Entre os objetivos de tal solução está aumentar a segurança no trânsito. De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), 1,24 milhão de pessoas morreram em acidentes de trânsito no mundo em 2013. Também ajudará a aumentar a eficiência dos sinais de trânsito, reduzindo os congestionamentos em grandes cidades. Estima-se que US$ 100 bilhões são perdidos por ano somente nos EUA por causa de engarrafamentos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.