WiMAX Forum se rende e passa a adotar o TD-LTE

O WiMAX Forum abriu sua padronização para incluir elementos do antigo padrão rival, o TD-LTE. Apesar de o presidente da entidade, Declan Byrne, insistir que isso não "abriria as comportas para a migração para outras tecnologias a partir do WiMAX", na prática foi um reconhecimento de que, pelo menos no âmbito da banda larga móvel, a mudança já está acontecendo.

O Forum confirmou notícias de que sua diretoria havia aprovado de forma unânime em uma reunião há algumas semanas a proposta de adicionar o suporte ao TD-LTE nas próximas especificações do WiMAX 2.1. A proposta da especificação estará pronta até o final do ano e será ratificada no começo de 2013. A plataforma WiMAX Advanced irá prover efetivamente um framework baseado em IP que pode suportar múltiplas interfaces aéreas, incluindo o próprio padrão 802.16 e o TD-LTE do 3GPP.

Os operadores com estações radiobase com software de modo duplo programável poderão suportar aparelhos WiMAX e TD-LTE simultaneamente. Algumas operadoras já estavam implementando esse tipo de compatibilidade, mas agora ela poderá ter uma abordagem padronizada. A meta é fazer uma plataforma mais simples e econômica, o que poderia prolongar a oportunidade para fornecedores de aparelhos e chipsets compatíveis e ajudar as teles a migrar de forma gradual.

Após um começo prematuro, o WiMAX foi sobrepujado pela grande influência da indústria de telecomunicações móveis por trás do LTE. Algumas similaridades entre o padrão com o TDD-LTE permitiu a fornecedores criar ERBs flexíveis, oferecendo às operadoras uma transição mais suave para a nova plataforma e para um ecossistema mais abrangente.

As oportunidades significativas para o WiMAX agora estão mais em setores verticais, como smartgrids e aviação, além dos acessos fixos sem fio já adotados tradicionalmente. O Forum já havia parado de discutir a próxima geração do padrão, 802.16m ou WiMAX2, mas está promovendo a extensão WiMAX Advanced além de subconfigurações especializadas voltadas para mercados-chave como utilities (WiGrid). O Advanced foca em um framework de dados sobre banda larga IP mais genérico, que pode abraçar vários métodos de acesso, incluindo o 802.16, o 3GPP e potencialmente o 802.11 (utilizado para Wi-Fi).

As informações são do site Rethink Wireless.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

I accept the Privacy Policy

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.