Net quer novas aquisições para complementar rede

Embora diga que não haja qualquer negociação em andamento neste momento, o diretor financeiro da Net Serviços, João Elek, afirma que a empresa continua disposta a adquirir operações que complementem sua cobertura. Ele falou com jornalistas nesta segunda, 1º, em conference call sobre a aquisição da ESC 90, anunciada na última sexta-feira. Perguntado, ele citou nominalmente interesse na TV Cidade.
Segundo Elek, a aquisição foi estratégica, pois levará, se aprovada, a presença da Net a todas as capitais do Sul e Sudeste. Embora a Net tenha caixa para bancar sozinha a compra, a empresa estuda fazer uma emissão de dívida para quitar a negociação. Será uma emissão de renda fixa. Pode ser debêntures ou títulos de renda fixa no mercado internacional, disse Elek.
Ele revelou ainda que a situação financeira da operadora capixaba é boa e que a empresa não tem dívida.

Notícias relacionadas

Valor alto

O valor por assinante pago pela ESC 90 ficou acima do que a Net pagou na aquisição da BigTV, em abril deste ano. Foram mais de R$ 3 mil na ESC 90 contra cerca de R$ 2,6 mil na BigTV. Segundo Elek, a variação se deve à diferença entre o potencial de geração de caixa dos assinantes das duas empresas. "A ESC 90 é uma das operadoras com maior penetração de banda larga por assinante de TV, e também é uma das operações com maior penetração de pontos extras", explica. Embora tenha sua rede quase inteiramente bidirecional, a ESC 90 tem um índice muito baixo de digitalização.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.