Clientes 5G insatisfeitos protocolam ação contra operadoras na Coreia do Sul

As três principais operadoras móveis da Coreia do Sul (SK Telecom, KT e LG Uplus) estão enfrentando uma ação conjunta de consumidores insatisfeitos com a performance de serviços 5G no país asiático.

De acordo com a agência sul-coreana de notícias Yonhap, 520 consumidores tomaram parte do processo, protocolado nesta quarta-feira, 30. Um representante do grupo defendeu a compensação das operadoras pelo não cumprimento de termos de serviço e apontou que novas ações judiciais serão protocoladas com mais usuários.

A Coreia do Sul lançou serviços 5G ainda em abril de 2019. Ao fim de maio de 2021, 15,8 milhões de consumidores contavam com a tecnologia, ou 22% da base móvel do país.

Notícias relacionadas

Segundo a mais recente medição da empresa Opensignal, a SK Telecom oferecia velocidades de download de 399,3 Mbps para clientes 5G no último mês de junho – frente 355,4 Mbps da LG Uplus e 327,4 Mbps da KT.

Em 2020, os serviços no país teriam apresentando uma velocidade média quatro vezes maior que a do 4G, segundo a Yonhap. Teoricamente, o 5G pode alcançar picos de velocidade de download até vinte vezes maiores que a geração anterior e isso teria sido o que foi propagandeado pelas operadoras.

Na Coreia do Sul, há expectativa que implementações em ondas milimétricas (no caso, em 28 GHz) impulsionem a performance nacional, hoje suportada sobretudo pelo espectro de 3,5 GHz.

A insatisfação com serviços 5G no país não é novidade e foi recentemente apontada em estudo da Ericsson. Movimento similar ocorre nos EUA, sendo inclusive citado pela chairwoman da Federal Communications Commission (FCC), Jessica Rosenworcel, durante a MWC 2021. "Para muitos consumidores o presente é confuso, com operadoras provendo diferentes versões de 5G que às vezes parecem o 4G", alertou ela.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.