Governo americano apoia candidatura de ex-NTIA para liderança da UIT

iretora do gabinete de desenvolvimento em telecom da União Internacional de Telecomunicações (UIT), Doreen Bogdan-Martin. Foto: ITU/D.Woldu

A candidatura da diretora do gabinete de desenvolvimento em telecom da União Internacional de Telecomunicações (UIT), Doreen Bogdan-Martin, para a secretaria-geral da entidade recebeu um apoio oficial governo dos Estados Unidos. O apoio para as eleições, que acontecem somente em 2022, veio pelo Departamento de Comércio norte-americano, mas em nome de toda a administração do presidente Joe Biden.

A candidata começou a carreira no departamento de comércio da Administração Nacional de Telecomunicações e Informação (NTIA) e atua como diretora da UIT desde o dia 1º de janeiro de 2019. Ela foi a primeira mulher a ocupar uma posição de liderança de alto nível na entidade

Em comunicado emitido nesta quarta-feira, 31, a secretária de comércio dos EUA, Gina Raimondo, destacou o fato de que, se eleita, Bogdan-Martin seria a primeira mulher a liderar a UIT. Segundo Raimondo, a diretora tem dedicado a carreira à busca da igualdade de gênero e na expansão e adoção do acesso digital no mundo em desenvolvimento.

Notícias relacionadas

"Bogdan-Martin traz à candidatura décadas de experiência no serviço público e um histórico provado de conquistas liderando o gabinete de desenvolvimento de telecomunicações da UIT", declarou a secretária de comércio dos EUA em comunicado.

O atual secretário-geral da UIT é Houlin Zhao. O primeiro mandato dele começou em 2014, e foi reeleito em novembro de 2018, começando o segundo mandato em janeiro de 2019. As eleições para o cargo deverão acontecer em 2022.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.