Região metropolitana de SP receberá 1,8 milhão de kits de recepção de TV até meados de abril

Foto: stock.tookapic.com/Pexels.com

A expectativa da Seja Digital (EAD – a entidade criada para garantir o acesso da população à TV digital) é que pelo menos 1 milhão de receptores de TV digital sejam entregues na região metropolitana de São Paulo até o final de março. No dia 29 de março, o sinal analógico será desligado em 39 municípios da região. "Estamos fazendo a distribuição, principalmente, nos outros 38 municípios", disse a este noticiário Antonio Martelletto, diretor geral da entidade, durante assinatura de parceria para o projeto Patrulha Digital entre a Abert, Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão, e a Fiesp, Federação das Indústrias do Estado de São Paulo.

No total, serão distribuídas na região metropolitana de São Paulo 1,8 milhão de caixas receptoras até meados de abril. Segundo Martelletto, a extensão da distribuição das caixas por mais alguns dias aconteceu também no desligamento em Brasília por conta, em partes, da morosidade dos beneficiários em buscar o direito.

Prova de fogo

Para o presidente da Abert, Paulo Tonet Camargo, a prova definitiva do desligamento analógico vai se dar em São Paulo. "Se vencermos aqui, implantaremos definitivamente a TV digital no restante do Brasil", disse, durante o evento.

Segundo ele, o setor de radiodifusão continuará pedindo um adiamento do desligamento analógico na região. Questionado se seria por período de 30 a 60 dias, afirmou que "nem isso".

Parceria

O projeto Patrulha Digital tem como objetivo principal formar multiplicadores para orientar a população sobre o que deve ser feito para ter acesso à TV digital e continuar assistindo à programação da TV aberta após o desligamento do sinal analógico. Para isso, a partir de fevereiro, alunos do Senai serão capacitados com cursos em eletrônica, eletrotécnica, refrigeração, telecomunicações, informática e edificações.

Segundo o presidente da Fiesp, Paulo Skaf, 90 professores do Senai serão treinados, de escolas distintas. "Esses professores formarão um grupo de aproximadamente 800 pessoas por escola", disse. Portanto, pelo menos 7,2 mil pessoas estarão aptas a orientar a população para a migração.

Ainda durante o evento, Sakf anunciou uma parceria do Senai com o Sebrae para premiar os alunos do grupo de treinamento que apresentem melhor desempenho com um suporte para se tornarem microempreendedores na área de instalação e manutenção de antenas e receptores de TV.

1 COMENTÁRIO

  1. Repetimos: deem em cima dos grupos de rolo no Facebook e em sites como OLX e Mercado Livre, uma vez que não é difícil ver pessoas vendendo esses kits por lá.

    Aí no final sabem o que acontece né? Começam os papos de adiar porque não chegou-se à porcentagem.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

I accept the Privacy Policy

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.