OUTROS DESTAQUES
Competição apenas nas grandes cidades?
quinta-feira, 29 de novembro de 2001 , 21h12 | POR REDAÇÃO

Guerreiro afirmou que sempre esteve claro que da forma como o modelo brasileiro foi elaborado não seria possível implantar a competição nas pequenas cidades do país. As regras anunciadas aumentam ainda mais esta disparidade, uma vez que apenas as cidades com mais de 500 mil habitantes, na melhor das hipóteses, terão outras empresas operadoras. Guerreiro lembrou que, mesmo assim, para enfrentar a competição das autorizadas, as concessionárias terão que baixar seus preços e melhorar os serviços. Como as concessionárias têm que praticar um preço único em sua área de concessão, a redução de preços pontual precisa levar par baixo as tarifas de todos os clientes.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro independente de debate e reflexão sobre políticas setoriais dos setores de telecomunicações e Internet. Organizado há 17 edições pela TELETIME e pelo Centro de Estudos de Políticas de Comunicações da Universidade de Brasília (CCOM/UnB), o evento congrega reguladores, formuladores de políticas, acadêmicos, empresas e analistas para um debate aberto sobre os temas mais relevantes e que serão referência ao longo do ano. Em 2018, estão em discussão uma agenda possível para o setor, o impacto do cenário eleitoral sobre as telecomunicações, a atuação  do Congresso Nacional sobre as políticas do setor de telecomunicações e Internet e as referências regulatórias internacionais.

20 de Fevereiro
Auditório Finatec, DF, Brasil
EVENTOS

Principal encontro independente de debate e reflexão sobre políticas setoriais dos setores de telecomunicações e Internet

20 de Fevereiro
Auditório Finatec, DF, Brasil
Top