OUTROS DESTAQUES
Agência explicita em Ato situação dos acionistas da CRT
terça-feira, 29 de fevereiro de 2000 , 09h41 | POR REDAÇÃO

Para esclarecer a situação dos acionistas da CRT em relação ao direito de voto e veto, a Anatel publicou no Diário Oficial desta terça, dia 29, um Ato tornando explícito que "a titularidade, total ou parcial, de ações da CRT, detidas pela TBS, na vigência do Ato 6.196, por pessoa natural ou jurídica, pertencentes ou não ao grupo de acionistas da TBS, não confere ao titular direito de voto ou veto nas deliberações da CRT." Com esta decisão o Banco Bilbao Viscaya, a Iberdrola e a RBS não poderão participar da Assembléia Geral que acontece às 10 horas da manhã desta terça, dia 29. O Ato da Anatel não impede que as ações sejam transferidas a quem quer que seja, mas apenas impede que estas ações tenham direito de voto e de veto.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS
Não Eventos
EVENTOS
Não Eventos
Top