OUTROS DESTAQUES
Faturamento depende de page-views
sexta-feira, 28 de janeiro de 2000 , 19h55 | POR REDAÇÃO

Ainda segundo informações do presidente da ANPI, o faturamento dos provedores vem, principalmente, do pagamento do acesso e do número de page views. "Enquanto lá, nos Estados Unidos, eles têm um mercado de 40 milhões de usuários, nós ainda estamos nos 3,3 milhões", diz Sanz. A gratuidade do acesso, no Brasil, seria inviável, levando-se em consideração a infra-estrutura para manter o provedor no ar. Gesner Oliveira se limitou a receber as denúncias via fórum virtual e disse que, a curto prazo, o CADE e a Secretaria de Direito Econômico (SDE) estarão se pronunciando a respeito da polêmica.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS
Não Eventos
EVENTOS
Não Eventos
Top