OUTROS DESTAQUES
Melhora avaliação de Telesp Celular
quarta-feira, 27 de Fevereiro de 2002 , 22h30 | POR REDAÇÃO

É sensível a melhora da avaliação de Telesp Celular pelas corretoras de valores. Nesta semana é a vez do Santander Centro Hispânico, que elevou de manutenção para compra a sua recomendação para os papéis da empresa. O target-price de suas ADRs é de US$ 10,47, representando um potencial de valorização de cerca de 38%. Razões para a boa avaliação: o papel já foi depreciado demais, ficando 18% abaixo do Ibovespa desde o início de 2002; a empresa, benchmark do setor, saiu na frente para operação de serviços de 2,5 G, com pouca necessidade de investimento; sua posição é relativamente mais confortável que a dos futuros competidores – não precisa comprovar metas com a Anatel, nem pedir autorização para começar a operar. Fora isso, há também o fato de que seu principal concorrente no momento, a BCP, face às dificuldades financeiras, não investirá em novas tecnologias em curto prazo.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro independente de debate e reflexão sobre políticas setoriais dos setores de telecomunicações e Internet. Organizado há 17 edições pela TELETIME e pelo Centro de Estudos de Políticas de Comunicações da Universidade de Brasília (CCOM/UnB), o evento congrega reguladores, formuladores de políticas, acadêmicos, empresas e analistas para um debate aberto sobre os temas mais relevantes e que serão referência ao longo do ano. Em 2018, estão em discussão uma agenda possível para o setor, o impacto do cenário eleitoral sobre as telecomunicações, a atuação  do Congresso Nacional sobre as políticas do setor de telecomunicações e Internet e as referências regulatórias internacionais.

20 de Fevereiro
Auditório Finatec, DF, Brasil
EVENTOS

Principal encontro independente de debate e reflexão sobre políticas setoriais dos setores de telecomunicações e Internet

20 de Fevereiro
Auditório Finatec, DF, Brasil
Top