OUTROS DESTAQUES
Carreiras
Yasushi Tanabe assume presidência da NEC no Brasil
segunda-feira, 26 de novembro de 2018 , 23h23

A NEC anuncia Yasushi Tanabe como o presidente da operação brasileira. O executivo de origem japonesa detém uma extensa carreira de 29 anos na NEC, que começou na sede da organização, no Japão, e tem agora o objetivo de liderar a empresa no Brasil.

Tanabe, de 52 anos, é formado em economia e já atuou em posições nas áreas de negócios da companhia, principalmente nos âmbitos comercial e da administração, no Japão, na Colômbia e na região da Europa, além de ter exercido por quase dois anos a função de CEO da NEC na Argentina. O novo presidente da empresa no Brasil assume as atribuições locais que estavam sob o comando de Masazumi Takata, presidente da NEC na América Latina.

"Sinto-me muito entusiasmado com a oportunidade de liderar a equipe da NEC no Brasil, um país que sempre está entre as prioridades nos planos da organização, tendo em vista o potencial de mercado que existe aqui. Este é, ao mesmo tempo, um grande desafio para minha carreira, pois terei a responsabilidade de comandar a companhia em um momento de plena expansão dos negócios voltados ao nosso portfólio de autenticação digital Bio-IDiom, assim como às soluções de inteligência artificial, Big Data, entre outras", afirma Tanabe.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Comece o ano com um debate atualizado e aprofundado sobre os principais pontos da pauta política e regulatória do setor de Comunicações para o ano de 2019, as perspectivas para o novo governo e para o trabalho da Anatel, além de discussões aprofundadas sobre o modelo de regulação por incentivos e a aplicação  e implicações da Lei de Proteção de Dados para o setor de telecomunicações.

19 de fevereiro
Auditório Finatec, DF, Brasil
EVENTOS

Comece o ano com um debate atualizado e aprofundado sobre os principais pontos da pauta política e regulatória do setor de Comunicações para o ano de 2019, as perspectivas para o novo governo e para o trabalho da Anatel, além de discussões aprofundadas sobre o modelo de regulação por incentivos e a aplicação  e implicações da Lei de Proteção de Dados para o setor de telecomunicações.

19 de fevereiro
Auditório Finatec, DF, Brasil
Top