OUTROS DESTAQUES
Mercado
Globo fatura R$ 6,66 bilhões em 2007; Globosat vai a R$ 800 milhões
quarta-feira, 26 de março de 2008 , 18h44 | POR REDAÇÃO

O grupo Globo anunciou esta semana seu balanço financeiro referente ao ano de 2007. Foi um ano em que o grupo registrou receita de R$ 6,66 bilhões, o que é 7% a mais do que o resultado de 2006. O crescimento maior se deu no quarto trimestre, em que o grupo cresceu 15% em relação ao mesmo período de 2006.
Não é possível dizer exatamente quanto do faturamento do grupo vem da TV Globo ou da Globosat, porque ambas vendem publicidade (principal receita da TV Globo) e programação (principal receita da Globosat). Mas pode-se estimar o faturamento da Globosat, em 2007, na casa dos R$ 800 milhões, o que a colocaria como a terceira maior empresa de televisão do Brasil, atrás da própria Globo e da Record.

Resultados

O EBITDA do grupo foi de R$ 1,325 bilhão em 2007, o que representa um aumento de 2%. A margem EBITDA está na casa dos 20%. O endividamento ficou em R$ 1,236 bilhão em 2007, o que representa uma queda de 16% no ano.
Vale lembrar que o bolo publicitário para TV e TV paga cresceu cerca de 9,2% em 2007.
O share de audiência da TV Globo ao longo de 2007 caiu para 48%, ante 53% no ano anterior. No horário nobre, contudo, o share está na casa dos 54%, ante 59% em 2006.
Das receitas do grupo no quarto trimestre, 77% vieram de publicidade (na TV aberta, TV paga, meios impressos e internet), 12% na venda de conteúdo (o que inclui canais de TV paga, assinatura de internet e também conteúdos da TV aberta exportados) e 12% de outras receitas.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

O mercado de TV por assinatura mudou. Operadores, programadores e canais se adaptam a um novo tempo em que a não-linearidade, a distribuição multiplataforma e novas formas de engajamento e interação entre telespectadores e conteúdos passa a ser a regra. Neste evento, uma reflexão sobre o presente e o futuro da indústria no Brasil, seus principais desafios, os caminhos que estão surgindo, as principais inovações e as tendências globais mais relevantes. Um evento organizado com a expertise e a curadoria editorial das publicações TELA VIVA, PAY-TV e TELETIME. Mais informações pelo email eventos@teletime.com.br

30 de julho a 31 de julho
WTC Events Center – São Paulo, SP, SP, Brasil
EVENTOS

O mercado de TV por assinatura mudou. Operadores, programadores e canais se adaptam a um novo tempo em que a não-linearidade, a distribuição multiplataforma e novas formas de engajamento e interação entre telespectadores e conteúdos passa a ser a regra. Neste evento, uma reflexão sobre o presente e o futuro da indústria no Brasil, seus principais desafios, os caminhos que estão surgindo, as principais inovações e as tendências globais mais relevantes. Um evento organizado com a expertise e a curadoria editorial das publicações TELA VIVA, PAY-TV e TELETIME.

30 de julho a 31 de julho
WTC Events Center – São Paulo, SP, SP, Brasil
Top