OUTROS DESTAQUES
FUNDOS SETORIAIS
Em três meses, Anatel arrecada R$ 3 bilhões com fundos setoriais
segunda-feira, 25 de abril de 2016 , 15h34

De janeiro a março de 2016, a Anatel arrecadou R$ 3 bilhões com os fundos setoriais. Nos primeiros três meses deste ano, a agência obteve R$ 2,7 bilhões para o Fundo de Fiscalização das Telecomunicações (Fistel). Só em março, quando vence a taxa anual incidente sobre as estações habilitadas, o volume obtido foi de R$ 2,5 bilhões.

Em fevereiro, a arrecadação do Fistel foi de R$ 150 milhões e R$ 23,1 milhões em janeiro. Desde a criação do fundo, em 1997, a arrecadação chega a R$ 70,4 bilhões.

Já a arrecadação do Fundo de Universalização dos Serviços de Telecomunicações (Fust), que incide sobre o faturamento das operadoras, a arrecadação caiu em março para R$ 90,4 milhões, ante R$ 160,1 milhões do mês anterior. Nos primeiros três meses de 2016, o volume arrecadado ficou em R$ 345,5 milhões.

Em janeiro, a arrecadação do Fust chegou a R$ 95 milhões. Com os novos valores, o acumulado pago pelas operadoras a esse fundo desde sua criação, em 2001, alcançou R$ 19,8 bilhões.

COMENTÁRIOS

1 Comentário

  1. José Maria da Costa disse:

    E pensar que com uma arrecadação dessas, somadas à multas e outras fontes, a Anatel não pode investir sequer 10% do arrecadado em suas atividades na manutenção de expansão de suas atividades institucionais ….Por que será????

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

O mercado de TV por assinatura mudou. Operadores, programadores e canais se adaptam a um novo tempo em que a não-linearidade, a distribuição multiplataforma e novas formas de engajamento e interação entre telespectadores e conteúdos passa a ser a regra. Neste evento, uma reflexão sobre o presente e o futuro da indústria no Brasil, seus principais desafios, os caminhos que estão surgindo, as principais inovações e as tendências globais mais relevantes. Um evento organizado com a expertise e a curadoria editorial das publicações TELA VIVA, PAY-TV e TELETIME. Mais informações pelo email eventos@teletime.com.br

30 de julho a 31 de julho
WTC Events Center – São Paulo, SP, SP, Brasil
EVENTOS

O mercado de TV por assinatura mudou. Operadores, programadores e canais se adaptam a um novo tempo em que a não-linearidade, a distribuição multiplataforma e novas formas de engajamento e interação entre telespectadores e conteúdos passa a ser a regra. Neste evento, uma reflexão sobre o presente e o futuro da indústria no Brasil, seus principais desafios, os caminhos que estão surgindo, as principais inovações e as tendências globais mais relevantes. Um evento organizado com a expertise e a curadoria editorial das publicações TELA VIVA, PAY-TV e TELETIME.

30 de julho a 31 de julho
WTC Events Center – São Paulo, SP, SP, Brasil
Top