OUTROS DESTAQUES
Longa distância
Intelig reduz a R$ 0,09/minuto ligações para semifinalistas
segunda-feira, 24 de junho de 2002 , 16h29 | POR REDAÇÃO

Disposta a continuar a guerra de preços no segmento de ligações internacionais, a Intelig reduziu para R$ 0,09/minuto a tarifa das chamadas para Alemanha, Turquia e Coréia. Trata-se de mais uma iniciativa da operadora dentro da sua campanha de baixar os preços das ligações para países que continuam participando da Copa do Mundo. Com a nova tarifa, as chamadas para esses três países ficaram cerca de 90% mais baratas. A expectativa da companhia é de que o tráfego para Alemanha, Turquia e Coréia aumente 200% durante a promoção, que termina no próximo dia 30.

A resposta da concorrência

A Telefônica, dentro de sua estratégia de acompanhar automaticamente todas as promoções da concorrência para longa distância internacional, também passou a oferecer a tarifa de 0,09/minuto. E mais, anunciou que vai manter as tarifas promocionais de R$ 0,19/minuto nos planos básicos para os demais países que estavam nas quartas de finais (Inglaterra, Senegal, Espanha e Estados Unidos) até o final da Copa do Mundo.
Já a Embratel desistiu de acompanhar as promoções da Intelig nas tarifas básicas. A operadora optou por seguir a concorrente apenas em planos alternativos, para os quais os clientes precisam ligar para se cadastrar – além de pagar uma mensalidade, em alguns casos. A operadora baixou para R$ 0,09/minuto as tarifas para Alemanha, Turquia e Coréia em seus planos "Passaporte 21", "Ligue DDI 21", "Vip Phone" e "Vip Net". Um diferencial positivo em relação à Intelig é que a Embratel está mantendo preços promocionais para outros países nestes planos enquanto a Copa do Mundo não termina. As ligações para os EUA, por exemplo, estão custando R$ 0,19/minuto no "Ligue DDI 21" e R$ 0,18/minuto, no "Vip Phone" e no "Vip Net".

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro independente de debate e reflexão sobre políticas setoriais dos setores de telecomunicações e Internet. Organizado há 17 edições pela TELETIME e pelo Centro de Estudos de Políticas de Comunicações da Universidade de Brasília (CCOM/UnB), o evento congrega reguladores, formuladores de políticas, acadêmicos, empresas e analistas para um debate aberto sobre os temas mais relevantes e que serão referência ao longo do ano. Em 2018, estão em discussão uma agenda possível para o setor, o impacto do cenário eleitoral sobre as telecomunicações, a atuação  do Congresso Nacional sobre as políticas do setor de telecomunicações e Internet e as referências regulatórias internacionais.

20 de Fevereiro
Auditório Finatec, DF, Brasil
EVENTOS

Principal encontro independente de debate e reflexão sobre políticas setoriais dos setores de telecomunicações e Internet

20 de Fevereiro
Auditório Finatec, DF, Brasil
Top