OUTROS DESTAQUES
Infraestrutura
Brazil Tower Company recebe financiamento e pretende dobrar base de torres
segunda-feira, 23 de abril de 2018 , 15h16

A companhia de infraestrutura de torres Brazil Tower Company (BTC) anunciou nesta segunda-feira, 23, ter conseguido financiamento de US$ 79 milhões da dívida de longo prazo (por sua vez no valor de US$ 104 milhões) com um time de três fundos canadenses liderado pela Cordiant Capital de Montreal (Canadá). A expectativa é de fechar o financiamento dos US$ 25 milhões restantes durante o terceiro trimestre deste ano. Além de refinanciar a dívida, os recursos serão utilizados para financiar a construção do pipeline contratado da companhia. A transação foi aconselhada pelo banco de investimentos de mercados emergentes baseado em Nova York, o Wisteria Court.

Em comunicado, o CFO da BTC, Tom Staz, destacou que está "muito empolgado com o crescimento que está sendo feito no Brasil por meio de desenvolvimento de novas torres e novas colocações e emendas". O executivo diz ainda que o backlog de crescimento de novas torres e dutos é o "mais forte que presenciamos desde 2015". Com isso, espera manter a estratégia de implantação de novos sites pelos próximos 18 a 24 meses para "dobrar o tamanho do portfólio e triplicar o fluxo de caixa dos negócios".

O CEO da companhia de torres, Chahram Zolfaghari, afirma que a empresa é "muito disciplinada" na escolha de novos sites, focando em locais de alto tráfego que permite crescimento orgânico de dígito duplo. Diz ainda que no ano conseguiu aumento na contabilidade de ativos e de fluxo de caixa.

O representante da Cordiant Capital, Jonathan Loiacono, justifica o investimento pelo desempenho do setor de telecomunicações brasileiro. "O mercado está em um ponto de inflexão em seu desenvolvimento, e esperamos ver a continuação de investimento e crescimento de operadoras de telecom e de infraestrutura de hospedagem neutra", declara, citando a demanda por dados com aumento de smartphones e serviços over-the-top no País. "Adicionalmente, o regime de zoneamento positivo, baixa penetração de banda larga fixa e requerimentos de cobertura nacional apresentam uma forte justificativa de investimento para investidores de crédito e equity."

A BTC trabalha com infraestrutura neutra para redes de serviços móveis e companhias de radiodifusão no Brasil. A empresa afirma ter mais de 600 torres com grandes operadoras como Telefônica, TIM e Claro.

COMENTÁRIOS

1 Comentário

  1. Ilton Vaz de Leon disse:

    Boa tarde
    Atuando na área de Telecom, desde 1996, atualmente com Manutenção preventivas e Corretivas em Sites e torres,coloco minha Empresa, a disposição para futuras oportunidades de trabalho na Região Sul.
    Att Ilton Vaz de Leon

Deixe o seu comentário!

EVENTOS
Não Eventos
EVENTOS
Não Eventos
Top