OUTROS DESTAQUES
Satélite
SES-14 chega ao Centro Espacial da Guiana para lançamento em janeiro
sexta-feira, 22 de dezembro de 2017 , 15h46

O satélite SES-14, que cobrirá a América Latina (incluindo o Brasil), Caribe, América do Norte e região do Atlântico Norte com feixes nas bandas C e Ku (e com feixes spots de alta densidade em banda Ku), chegou ao Centro Espacial da Guiana em Kourou, na Guiana Francesa. De acordo com a operadora de satélites SES nesta sexta-feira, 22, o lançamento será feito com o foguete Ariane 5 e está previsto para janeiro de 2018. Ele será posicionado a 47,5° Oeste, posição orbital brasileira conseguida após leilão de 2014.

A empresa diz que a capacidade em banda C será destinada a serviços de vídeo de operadoras na América Latina, enquanto os feixes spots de alta densidade e processamento em banda Ku, servirão ao mercado aeronáutico e aplicações de intenso tráfego como marítimo, backhaul para celular e serviços de banda larga. A SES diz que ainda utilizará banda Ku para serviços VSAT e DTH na América Latina e Atlântico Norte.

O SES-14, que substituirá o NSS-806, também tem carga útil contratada pela agência espacial americana Nasa para a missão de observações do limbo e disco da Terra em escala global (chamada de Gold), proporcionando imagens da atmosfera superior a partir da órbita geoestacionária, estudando mudanças climáticas diariamente da termosfera e ionosfera. A empresa diz ser a primeira parceira comercial a abrigar uma missão científica da Nasa.

O satélite foi construído pela Airbus Defence and Space e é equipado com um sistema elétrico de propulsão por plasma para elevação até a órbita estacionária e manobras de manutenção em órbita. Conta ainda com processador digital transparente (DTP), que a operadora diz ser o primeiro da frota. Ele serve para aumentar a flexibilidade da carga útil e prover soluções personalizadas de banda larga aos clientes.

COMENTÁRIOS

1 Comentário

  1. Erick disse:

    É muito bom ver o Brasil atuando nessa área de satélites…

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro independente de debate e reflexão sobre políticas setoriais dos setores de telecomunicações e Internet. Organizado há 17 edições pela TELETIME e pelo Centro de Estudos de Políticas de Comunicações da Universidade de Brasília (CCOM/UnB), o evento congrega reguladores, formuladores de políticas, acadêmicos, empresas e analistas para um debate aberto sobre os temas mais relevantes e que serão referência ao longo do ano. Em 2018, estão em discussão uma agenda possível para o setor, o impacto do cenário eleitoral sobre as telecomunicações, a atuação  do Congresso Nacional sobre as políticas do setor de telecomunicações e Internet e as referências regulatórias internacionais.

20 de Fevereiro
, ,
EVENTOS

Principal encontro independente de debate e reflexão sobre políticas setoriais dos setores de telecomunicações e Internet

20 de Fevereiro
 
Top