OUTROS DESTAQUES
TIM quer flexibilidade em indicadores de qualidade
quarta-feira, 21 de novembro de 2001 , 22h05 | POR REDAÇÃO

A diretora de marketing da TIM Brasil, Patrizia Alfiero, no segundo dia do II Seminário de Qualidade do SMC e SMP promovido pela Acel, defendeu a diferenciação da qualidade no atendimento aos clientes de acordo com o valor de suas contas. Ou seja, os clientes que estiverem mais dispostos a pagar, receberão um serviço de maior qualidade. Segundo a diretora de marketing, os investimentos que serão feitos para se alcançar os indicadores de qualidade serão de difícil retorno. Além disso, Patrizia Alfiero argumenta que se os indicadores de qualidade para o SMP fossem um pouco menos rígidos, as empresas poderiam ainda ter a qualidade como diferencial competitivo. Ela disse que a TIM não pretende entrar em polêmica com a Anatel, mas afirmou que a empresa buscará uma via de negociação para estas questões.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro independente de debate e reflexão sobre políticas setoriais dos setores de telecomunicações e Internet. Organizado há 17 edições pela TELETIME e pelo Centro de Estudos de Políticas de Comunicações da Universidade de Brasília (CCOM/UnB), o evento congrega reguladores, formuladores de políticas, acadêmicos, empresas e analistas para um debate aberto sobre os temas mais relevantes e que serão referência ao longo do ano. Em 2018, estão em discussão uma agenda possível para o setor, o impacto do cenário eleitoral sobre as telecomunicações, a atuação  do Congresso Nacional sobre as políticas do setor de telecomunicações e Internet e as referências regulatórias internacionais.

20 de Fevereiro
Auditório Finatec, DF, Brasil
EVENTOS

Principal encontro independente de debate e reflexão sobre políticas setoriais dos setores de telecomunicações e Internet

20 de Fevereiro
Auditório Finatec, DF, Brasil
Top