OUTROS DESTAQUES
Tecnologia
TIM vai experimentar videochamada sobre 4G (ViLTE) durante as Olimpíadas
quinta-feira, 21 de julho de 2016 , 17h58

A TIM vai testar durante as Olimpíadas, no Rio de Janeiro, o serviço de chamada de vídeo sobre a sua rede 4G, conhecido tecnicamente como ViLTE. Na prática é uma videocall, tal como aquelas oferecidas entre serviços over the top (OTT), mas realizada entre números telefônicos e sem a necessidade de instalação de qualquer aplicativo. A transmissão é feita em alta definição. Os testes serão restritos a um grupo de funcionários da empresa e de parceiros, para avaliar a qualidade e analisar como poderá ser o modelo de negócios.

Paralelamente, o mesmo grupo de usuários testará os serviços de voz sobre LTE (VoLTE) e Wi-Fi calling, que funcionarão de maneira integrada e transparente para os clientes. O VoLTE nada mais é do que a realização de uma chamada de voz através dos canais de dados da rede móvel, usando protocolo IP fim a fim. As vantagens são a qualidade de áudio superior àquela no 3G; a redução do tempo para completar uma chamada, que cai de oito para dois segundos; e o consumo 35% menor de bateria durante a ligação de voz.

O Wi-Fi calling, por sua vez, permite a realização de ligações de voz para números telefônicos quando o usuário estiver em uma área sem cobertura móvel, mas com acesso a um hotspot Wi-Fi. Tanto o uso do VoLTE quanto do Wi-Fi calling serão transparentes para o usuário da TIM.

Durante os testes, as chamadas de ViLTE e VoLTE funcionarão apenas entre clientes da TIM que tenham terminais compatíveis. Hoje, 15% dos terminais 4G da base da operadora estão aptos a trabahar com essas tecnologias. A interoperabilidade dos serviços com outras teles será possível quando estas também lançarem essa tecnologia.

Para experimentar esses serviços a TIM instalou uma plataforma de IMS (IP Multimedia Subsystem) fornecida pela Huawei.

Modelo de negócios

A operadora quer aproveitar os testes para avaliar quais os possíveis modelos de negócios. Ainda não está definido, por exemplo, se uma chamada VoLTE descontará da franquia de minutos ou de dados do usuário, ou se será cobrada com um preço mais caro. As mesmas dúvidas existem a respeito das chamadas de vídeo com ViLTE.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

O mercado de TV por assinatura mudou. Operadores, programadores e canais se adaptam a um novo tempo em que a não-linearidade, a distribuição multiplataforma e novas formas de engajamento e interação entre telespectadores e conteúdos passa a ser a regra. Neste evento, uma reflexão sobre o presente e o futuro da indústria no Brasil, seus principais desafios, os caminhos que estão surgindo, as principais inovações e as tendências globais mais relevantes. Um evento organizado com a expertise e a curadoria editorial das publicações TELA VIVA, PAY-TV e TELETIME. Mais informações pelo email eventos@teletime.com.br

30 de julho a 31 de julho
WTC Events Center – São Paulo, SP, SP, Brasil
EVENTOS

O mercado de TV por assinatura mudou. Operadores, programadores e canais se adaptam a um novo tempo em que a não-linearidade, a distribuição multiplataforma e novas formas de engajamento e interação entre telespectadores e conteúdos passa a ser a regra. Neste evento, uma reflexão sobre o presente e o futuro da indústria no Brasil, seus principais desafios, os caminhos que estão surgindo, as principais inovações e as tendências globais mais relevantes. Um evento organizado com a expertise e a curadoria editorial das publicações TELA VIVA, PAY-TV e TELETIME.

30 de julho a 31 de julho
WTC Events Center – São Paulo, SP, SP, Brasil
Top