OUTROS DESTAQUES
Importações
Déficit da balança comercial de eletroeletrônicos recua 52% em janeiro
terça-feira, 23 de Fevereiro de 2016 , 16h45

O déficit da balança comercial dos produtos elétricos e eletrônicos atingiu US$ 1,43 bilhão em janeiro de 2016, 52% abaixo do registrado no mesmo mês de 2015 (US$ 2,98 bilhões). Segundo os números levantados pela Abinee (Associação Brasileira da Indústria Elétrica e Eletrônica), a redução do saldo negativo é consequência da queda das importações, que vem sendo verificada desde abril de 2014, em função do fraco desempenho das vendas do mercado interno.

Segundo os números da entidade, as importações de produtos eletroeletrônicos permaneceram retraídas no mês de janeiro de 2016, totalizando US$ 1,83 bilhão, 45,6% inferiores às realizadas em janeiro do ano passado (US$ 3,36 bilhões). Este foi o 22º mês consecutivo em que as importações apresentaram montantes inferiores aos atingidos em iguais períodos anteriores.

Com exceção do crescimento das importações de bens de GTD – Geração, Transmissão e Distribuição de Energia Elétrica – G (3,1%), todas as demais áreas recuaram com taxas que atingiram até -61%, como no caso de Utilidades Domésticas.

Já as exportações de produtos eletroeletrônicos, que somaram US$ 401,3 milhões no mês de janeiro de 2016, ficaram 4,5% acima das ocorridas em janeiro do ano passado (US$ 383,9 milhões).

Este crescimento foi pontual e ocorreu em função da elevação de 125,9% nas exportações de Equipamentos Industriais, mais especificamente nas vendas para a China de dispositivos para tratamento de materiais por mudança de temperatura, que somaram US$ 90 milhões.

Se excluísse apenas este item do total, as exportações dos demais produtos do setor recuariam 19% em janeiro de 2016 na comparação com o mesmo mês de 2015.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

Top