OUTROS DESTAQUES
Banda larga
Limite de franquia na banda larga fixa é benéfico, avalia Anatel
terça-feira, 16 de Fevereiro de 2016 , 18h55

A Anatel não vê problemas na adoção, pelas teles, de limite de franquias para a banda larga fixa, prática comum na banda larga móvel. Depois da Net e da Oi, a Telefônica passou a adotar o mecanismo a partir deste mês. Os novos contratos da conexão ADSL (par de cobre) oferecida em velocidades de 200 kbps a 25 Mbps estão vindo com uma cláusula que estabelece o bloqueio ou redução de velocidade após o limite ser atingido pelo cliente.

Para o superintendente de Competição da agência, Carlos Baigorri, a medida inclusive traz vantagens para o usuário que tem consumo de dados baixo e paga o mesmo que um assinante que usa intensivamente o serviço de dados. "Corrige uma falha de mercado, mesmo não sendo simpática ao consumidor", sustenta.

Baigorri lança mão da teoria da seleção adversa, que leva as empresas a basearem seus preços em uma média de uso mais alto, prejudicando os assinantes de consumo mais baixo. Porém, nessa medida da Telefônica, não há indicações de redução de preços dos planos.

O limite mensal de consumo estabelecido nos novos contratos variam entre 10 GB e 130 GB, dependendo da velocidade da banda larga contratada pelo usuário. Para os contratos antigos, vale o que está escrito. Na Oi, o limite de franquia também é de 130 GB e na Net, de 500 GB.

COMENTÁRIOS

35 Comentários

  1. LEITOR disse:

    BOM PARA OS ISPs PEQUENOS…KKKKKKKKKKKKK

  2. Clenilson disse:

    Insatisfação total com a vivo.

  3. Richard disse:

    Ao invés de incentivar os investimentos para melhorar a qualidade da internet no Brasil, que está pra lá do fundo do poço, não: defendem que haja limite no consumo.

    Como dizem: 7×1 foi pouco!

  4. juliano kraft romeiro disse:

    O limite de uso e um estelionato porque o vendedor não informa que tem limite.
    Pois, se informar que tem limite de uso ninguém compra no dia acaba o limite e resto mês como fica.

  5. Jorge disse:

    Bem interessante a Anatel achar benéfico e, ao mesmo tempo, as operadoras acharem benéfico. Será que estão se referindo ao mesmo "benéfico"? Tomara que sim.
    A Anatel pressupõe, que os atuais preços, como já são bem lucrativos para as operadoras, se manterão para novos contratos de consumo ilimitado e que os novos preços, com franquia de consumo, serão mais baixos, o que viabilizará as classes economicas mais baixas acederem aos serviços de banda larga fixa. Então, Anatel conclui, "a medida é benéfica a população".
    As operadoras, creio eu, precisam dar respostas aos seus acionistas, já que seus serviços tradicionais estão sendo corroidos pelos serviços OTT, que acontecem sobre a banda larga que eles mesmos provêem.
    A banda larga é o segmento de negócios que mais cresce em todas as operadoras e o mais natural, como resposta aos baixos resultados dos outros negócios, que ele passe a ser a melhor fonte de onde elas possam construir seus resultados. Nada contra.
    Mas se o preço do plano de consumo ilimitado for majorado, então ficará claro que o que elas acham benéfico é para o bolso de seus acionistas e que se lixe a população e que se lixe o conceito globalmente aceito de neutralidade de rede, pois a franquia de dados construida desta maneira, também objetiva encarecer e até bloquear o uso dos serviços OTT (facebook, Youtube, Netflix, Whatsapp, Skype, EnterPlay, etc).
    Caso nao sejam majorados, então ficará claro que as operadoras estão em linha com os anseios da Anatel e que estão apostando em aumento de volume de consumidores de banda larga fixa.
    Bem, vamos esperar para ver as tabelas de planos de dados e, às claras, ver o significado de "benéfico".

  6. Kleber disse:

    Houve algum tipo de pesquisa prévia junto as consumidores antes de adotar as medidas.

    Por que não adotam um sistema médio de medição de velocidade para saber se estamos utilizando realmente a velocidade contratada.

    O Problema é que até os orgãos reguladores são geridos por pessoas com pensamentos arcaicos; vamos definir o que é limite de consumo, quando utilizamos um acesso ADSL ele é compartilhado e não dedicado, dessa forma como poder ser calculado consumo quantidade de dados que que meu endereço IP consulta?Transferência de dados?

    Os dados estão transitando na REDE, com essa linha de raciocínio deveríamos ser tarifados por dados que estamos solicitando utilizando operadoras no Japão, America do Norte, etc….

  7. JOB disse:

    1. 10GB a 130GB não atende a maioria das pessoas que usam serviços de streaming, como Netflix ou Youtube com frequência.
    2. Com disse na reportagem, não há previsão de redução de preço para quem consome menos e sim aumento para quem consome mais.
    3. Dada a deficiência na competição, há uma assimetria muito grande entre o consumidor e as operadoras, que precisa ser resolvida, embora tudo mostra que a direção esta indo ao contrário com as fusões e aquisições, estamos caminhando para um monopólio ou oligopólio.

  8. Carlos Guerra Godoy disse:

    Meu caro Baigorri, seria beneficio se viesse acompanhada de uma queda de preco! Nao vi, onde estah?

  9. Thales Magalhães disse:

    KKKKKK NET,GVT,VIVO,ALGAR,OI vai tudo pro saco com franquia!

    ISP pequeno vai tomar todos os seus clientes bando de imbecil.

  10. Roberto Costa disse:

    O preço vai baixar também?????palhaçada ao invés de progredir melhor regredir PQP…

  11. Gabriel disse:

    A ordem é fugir do brasil.
    como vou baixar meus jogos?
    um jogo é 40GB. não tem banda pra vender e vende oq não tem.
    #anatelnãoservepranada

  12. Tiago Mourao disse:

    Os ISPs pequenos que geram vários empregos já era

  13. Luiz disse:

    Baigorri, você parece aquele boneco do comercial do posto Ipiranga. É pau mandado das teles. O consumidor está pagando caro pela internet de Baixa e em diversos locais, de péssima qualidade. Vejo o Brasil andando de ré com pessoas como você, assumindo cargos de liderança e falando de coisas que não tem conhecimento.

  14. Ricardo disse:

    É incrível como a entidade que deveria nos proteger (Anatel) está a cada dia mais preocupada com o bem estar das operadoras! Já não basta ter a famosa lei que obriga apenas as operadoras de internet fornecerem só 10% do plano (resultando numa internet de péssima qualidade) como agora aprovarem o limite de dados! Estão querendo deixar o povo brasileiro sem comunicação, só pode! VERGONHA DA ANATEL

  15. CStark disse:

    Muito estranho esta reportagem….
    tendo em vista que a Banda Larga de telefonia fixa…. você paga pelo limite de velocidade utilizada e já na Banda Larga de celular você paga pelo limite de bytes acessados… são 2 formas bem diferentes de conexão e cobrança…

    tendo em vista que a banda larga de celular , o limite de conetictivadade vai depender do seu aparelho… do tipo de Chip e das antenas que você terá conexão… ou seja depende TOTALMENTE do meio físico e por isso cobram por byte acessado.

    e a banda larga de telefonia fixa…. você paga pelo limite de conexão .. ou seja qual o limite utilizará no meio físico….

    para tentar ser claro….

    Celular você acessa paginas e programas a conexões que variam , EX: ( entre 1 e 20 MBps ),
    Fixo , você acessa paginas e programas ao limite de velocidade contratado pela operadora….

    Ocorrendo esta mudança informada, a provedora do serviço.. deverá indicar sempre 2 limites o de Bytes acessados + o limite de banda permitido … , com isso teremos um serviço pior que o dos celulares dependendo do local que estiver acessando seu aparelho….

    e como dito acima…. hj o consumidor alem de pagar caro pela conexão ainda paga SEMPRE… serviços casados, que é conectividade de internet e linha telefônica , a unica que não faz venda casada eh a NEt , mas o valor é absurdo se não fizer combo… se esta loucura virar moda… as próprias operadoras que perderão clientes para o serviço móvel

    • Bruno do Amaral Bruno do Amaral disse:

      A banda larga fixa não está atrelada mais à telefonia fixa e, assim como a móvel, dependem de infraestrutura física. Como a própria reportagem diz (e é comprovado pelos contratos das operadoras), a Net e a Oi já limitam a franquia de dados também na conexão fixa. A novidade é que a Telefônica quer adotar a mesma prática também.

      • Achilles disse:

        Vc me lembrou uma coisa, poderíamos tolerar a venda casada no caso: mbps (telefone fixo internet sem limites) sendo essa uma opção do consumidor, a outra opção seria franquia de gb,sendo a venda casada proibida e nesse caso. No caso da venda por sistema de franquias, a falta de um mecanismo claro pra se saber o quanto esta gastando é importante, pra que não haja ma fé. Por lei é possível a venda casada desde que, seja uma promoção ou algo benéfico ao consumidor.

  16. marcos souza disse:

    Realmente este cidadão deve ser um daqueles senhores que pede aos filhos para procurar algo na internet e quando em viagem algum funcionário deve fazer o serviço para ele. Cada povo tem o País que merece, e viva a Banda de larga de baixa velocidade x qualidade, parabéns Sr.

  17. Marcos disse:

    Nego pagando 400 paus de Energia elétrica (essencial) e dizendo que brasileiro paga caro pela internet que é um superfluo… pff como tem jumento nesse planeta.
    Nunca vi alguém gastar 500GB acessando coisas importantes…
    o limite é justamente pra manter a qualidade de rede e fazer com quem use MUITO pague mais enquanto quem usa menos pague menos.

    Ou você acha justo pagar o mesmo que alguém que assiste 300 filmes por mes?

    É DISSO que se trata.

    • Érycson Nóbrega disse:

      Eu concordo com a maioria das coisas que você disse mesmo, mas essa parte: "Ou você acha justo pagar o mesmo que alguém que assiste 300 filmes por mes?".

      Você já parou pra pensar que se a pessoa não quer pagar o mesmo ela pode simplesmente pegar uma internet mais lenta? Ela não precisa ir para a internet mais rápido pra depois ficar reclamando que ta pagando muito.

      "Nunca vi alguém gastar 500GB acessando coisas importantes…": Você conhece pouca gente, só isso. Tem muita gente que trabalha em casa, por exemplo se um cara que cria jogos trabalhar num jogo grande (ex. GTA com 60GB) ele precisa baixar o jogo e suas atualizações para por exemplo testar e mandar o feedback, ele nem precisa programar, só precisa ser tradutor e precisar baixar todo o jogo, filme, etc para baixar arquivos gigantes (sem contar com quem edita vídeo).

      "o limite é justamente pra manter a qualidade de rede e fazer com quem use MUITO pague mais enquanto quem usa menos pague menos.": Isso é papo furado, se você for contratar um Servidor Privado só seu fora do brasil, você pega um servidor com 100Mb/s com o trafego de de 10TB (fonte: https://www.limestonenetworks.com/dedicated-servers/bare-metal.html). Então isso que você disse é só papo furado.

  18. Marcos disse:

    Vamos supor que a taxa de água seja como a internet… você vai defender seu vizinho que decidiu deixar as torneiras ligaras 24h por dia por que o preço é o mesmo que se elas estivessem fechadas?
    Vai defender quem usa torneira comum pra encher piscina ou prefere que cada um pague proporcionalmente pelo que gasta?

    é ISSO que o limite de trafego na internet faz. Acabar com o DESPERDÍCIO…
    Mas tem gente que acha que internet é uma coisa divina que não tem limite e fica falando bobagem… Monte um provedor pra ver como são as coisas. A licença é baratinha… vai lá champs!

  19. luiz disse:

    e as poucas lan houses que ainda existem ,como ficam ?

  20. João Alex Cabral disse:

    O grande lance que vejo são as operadoras discretamente através de outros meios aumentando a cobrança para quem consome muitos dados, pois não conseguem barrar a netflix e outros que tornam o consumo da banda elevado, assim como tambem não conseguem combater os milhares de pequenos provedores de bairros onde elas não atendem e os que concorrem com menor investimento onde elas atendem.
    Então, bem diferente do que entende a Anatel, não existe vantagem para quem utiliza poucos dados, pois o preço cobrado não é justo e o serviço oferecido é deficiente.

  21. douglas disse:

    nao vejo vantagem nenhuma para o assinante final, o preço vai ficar os mesmos e se tu ta pagando para ter um plano se tu usa ou não e problema do cliente, a net por exemplo e uns dos preços que acho caro e que se tu exceder o limite de trafego terá que pagar mais para que libere os um pouco mais de banda de trafego que não é a franquia todas do mês!!!!!! acho um atraso na rede de internet….e um roubo…

  22. ISP pequeno adora isso! Eu adoro isso! Assim meu emprego nos ISP pequenos está garantido! rsrsrs
    Já é mais que sabido que ser cliente de pequeno provedor é melhor que ser do grande, com essas atitudes das grandes limita-se a clientela deles e os pequenos agradecem… Claro que estou falando de IPS, não de vizinho que compartilha a internet com outro vizinho e nem dos gatonets…

  23. Matheus Dilon disse:

    Se isso ocorrer será um dos maiores retrocessos da era digital no Brasil! Onde já se viu?! Absurdo!!!!

  24. DIEGO ROSBERG disse:

    NOSSO PAÍS AFUNDOU NA PORCARIA DE UM GOVERNO BANDIDO E RIDÍCULO QUE FAVORECE SÓ AOS GRANDES EMPRESÁRIOS ELES ACHAM ÓTIMO TER FRANQUIA E BLOQUEIO DE INTERNET , MAS FIZERAM PESQUISA COM A POPULAÇÃO? QUE É SEMPRE ENGANDA E RIDICULARIZADA NESSE PAIS, CLARO QUE NÃO NÃO IMPORTA O QUE O POVO PENSSE AS DIFICULDADES QUE PASSAMOS ELES ESTÃO CURTINDO COM NOSSO DINHEIRO TEM QUE SER ASSIM MESMO SABE PORQUE O BRASIL É UMA MÃO PARA OS BANDIDOS

  25. GLEIBSON ALVES disse:

    Ao meu ver isso não vai ser bom para os usuários, no Brasil nada se aplica, quem era para fiscalizar não fiscaliza é uma verdadeira zona . No próprio texto da mateira só basta ler o final do terceiro paragrafo que diz " não há indicações de redução de preços dos planos." Ou seja vamos continuar pagando caro ou mais por um serviço de péssima qualidade, eu vejo problemas .

  26. marcelo disse:

    acho um absurdo a Anatel concordar com isso pois vai dar muita dor de cabeça para procom e queda de vendas na smart tv quem vai comprar uma tv 4 k por 4.000,00 para nao assistir nada em 4k outra abuso 130 gb fala serio 130 gb ha 6 anos a traz era muito hoje e pouco . hoje no minimo 300gb seria ainda bom . Anatel tenha vergonha e arrume isso quem assiste 1 hora por dia no netflix consome 180gb por mess

  27. Felipe Gabriel disse:

    VAMOS TODOS BOICOTAR POIS, QUANDO FICAREM SEM CLIENTES VOLTAM A INTERNET COMO SEMPRE FOI, SEM LIMITES!! QUEREM TIRAR NOSSO DIREITO ATÉ NISSO… VAMOS LUTAR GALERA!! QUE ABSURDO E QUE RETROCESSO !!

  28. Andrey disse:

    Estamos voltando aos anos 90…

  29. Omar Carvalho disse:

    Não podemos aceitar estas mudanças sem ao menos saber o porquê?, pois será muito injusto que coloquem desta forma autoritária e sem consulta prévia, porém temos os nossos direitos de contratos assinados, más se for o caso reivindicaremos de forma pacífica e organizada com as Instituições competentes, todavia quero ser explícito quanto ao meu repúdio desta regulamentação, que será um ato contrário aos realizados nos Países desenvolvidos, apesar do Brasil ainda estar abaixo desta categoria e portanto espero que seja só mais uma tentativa destas Operadoras em obter à curto prazo os investimento em outras frequências de Banda Larga.

  30. carlos disse:

    ola, para os clientes que já possuem contrato, também vai mudar

  31. carlos deomar disse:

    Basta o cliente cancelar a assinatura e pronto.Vamos ver se eles continuarão achando benéfico!

Deixe o seu comentário!

Top