OUTROS DESTAQUES
Estratégia
Teles fixas focam na classe C, mas não esquecem alta renda
quinta-feira, 15 de outubro de 2009 , 18h12 | POR SAMUEL POSSEBON

A Oi está focada na venda de DTH para a classe C. A Telefônica diz que 80% das vendas de banda larga realizadas desde agosto são na classe C, e hoje anunciou a oferta de um pacote de banda larga popular para gozar do benefício de ICMS. As teles fixas, afinal, abandonaram os clientes mais abastados? A resposta é ainda não. Segundo Luiz Eduardo Falco, a Oi vende cerca de 60% de seus acessos banda larga na classe C, mas acredita que com a expansão para novas cidades voltará a atingir clientes de mais alta renda. A Oi, contudo, não faz referência a investimentos em uma rede de acesso por fibra no próximo ano, apesar de ter em sua estratégia a expansão da rede de banda larga.
Já a Telefônica, conforme apurou este noticiário, deve definir até o final do ano uma estratégia para o segmento de alto poder aquisitivo. Apesar de ter desenvolvido uma linha de produtos para esse mercado, baseado nos serviços de vídeo e banda larga por fibra óptica, a Telefônica abandonou nos últimos meses qualquer marketing mais agressivo nesse segmento. A explicação é a busca de uma rede confiável que permita a oferta sem riscos de insatisfação. Ao mesmo tempo, a Telefônica entende que há problemas na oferta de serviços por fibra, em função de dificuldades técnicas e operacionais que surgiram nas primeiras experiências comerciais.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

Top