OUTROS DESTAQUES
Cabo e telefonia
Nos EUA, SEC desconfia dos números de assinantes
quarta-feira, 07 de julho de 2004 , 21h05 | POR REDAÇÃO

As autoridades norte-americanas do mercado de capitais estão desconfiadas de que as operadoras de telefonia e de TV a cabo podem estar exagerando no número de assinantes para inflar dados de crescimento em seus balanços. Esses dados são vitais, tanto para a projeção do potencial de receitas e rentabilidade das empresas, como par a fixação de preços de publicidade.
A Securities and Exchange Commission (SEC) pediu a mais de 20 das maiores companhias que enviem informações sobre o número exato de assinantes e o método usado para inclusões e exclusões dos clientes. A Verizon, SBC, Bell South, AT&T (as maiores de telefonia), Cox e Comcast (as maiores de cabo) já acusaram o recebimento do pedido.
Coincidência ou não, o fato é que a Verizon Communications, o maior grupo de telecomunicações dos Estados Unidos, um dia antes, havia reconhecido que exagerou em 9% os seus números referentes à longa distância no primeiro trimestre do ano. A culpa é atribuída a razões técnicas ? um erro de software que teria sido descoberto independentemente do inquérito da SEC, e que não teria impacto nos seus resultados financeiros.
Se o caso da Verizon pode ser coincidente, o da Adelphia (quinta maior operadora de cabo do País) não o é. Cinco de seus principais executivos estão sendo processados por supostos abusos, incluindo o aumento artificial do número de assinantes.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

Top