OUTROS DESTAQUES
Aquisições
Atenções voltam-se novamente para empresas do Opportunity
quarta-feira, 05 de Maio de 2004 , 20h09 | POR REDAÇÃO

Terminada a onda de especulações com a venda da Embratel, entra em cena a antiga preferência dos especuladores: a venda das duas operadoras de celulares controladas pelo Opportunity: Telemig Celular e Tele Norte Celular. Praticamente descartada a hipótese de venda para a Vivo (por incompatibilidade tecnológica) e quase posta de lado a possibilidade de negócio com a Claro (por questão de preço), a maior chance agora é de mudanças societárias envolvendo a Brasil Telecom.
Especulações à parte, o fato é que o principal sinal do mercado nessa direção está dado pelo aumento relativo das ações ordinárias (ON, com direito a tag along) sobre as preferenciais. O valor das ON (R$ 7,33 nesta quarta) ficou quase 67% acima das PN.

Resultados da BrT

A necessidade de expansão da telefonia móvel tornou-se vital para a Brasil Telecom e, nesse sentido, os rumores sobre futura incorporação das operadoras controladas pelo Opportunity fazem todo o sentido.
No seu balanço trimestral, a Brasil Telecom registrou queda de quase 12% no tráfego local na comparação com o último trimestre de 2003. A empresa justificou que se trata de um efeito sazonal e também resultado da desaceleração econômica. Mas os analistas acreditam que seja uma tendência de transferência do tráfego local entre aparelhos fixos para o fixo-móvel, de baixa rentabilidade. Vale observar que, além disso, houve também queda de 1,3% de linhas em serviço.
Nem mesmo a entrada da operadora em novos serviços, como longa distância inter-regional e internacional, foi suficiente para alavancar a receita da empresa, que ficou praticamente estável em relação ao quarto trimestre de 2003, em R$ 2,07 bilhões.
Na telefonia móvel, mais uma vez foi adiado o lançamento comercial. Inicialmente previsto para abril, havia sido postergado para maio ou junho e agora deve ocorrer entre julho e agosto. As projeções de 1 milhão de usuários nos primeiros 12 meses de operação e receita mensal por usuário de R$ 34 reais estão mantidas.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

Top