OUTROS DESTAQUES
Mercado
Para ministro, Telmex pode ser solução até para Globo
quarta-feira, 14 de Abril de 2004 , 19h03 | POR REDAÇÃO

Um importante ministro afirma a esse noticiário que "a Telmex poderia, eventualmente, ser parte da solução do endividamento da Globopar", referindo-se a um provável interesse do grupo de telefonia mexicano pela aquisição da Net – a operação de TV a cabo controlada pela holding da família Marinho em sociedade com Bradesco, RBS, Microsoft e BNDES.
A fonte não entrou em detalhes, mas analistas que cobrem o setor acreditam que essa possibilidade ?faz todo sentido?, principalmente se aprovada a compra da Embratel pela Telmex. A Net, com 1,3 milhões de assinantes e penetração potencial, com redes de alta capacidade, em 6 milhões de domicílios (nas principais praças brasileiras), permitiria que a Embratel desse um grande salto na telefonia local e, o que interessa mais, na banda larga por cable modem. ?Já com a rede de fibra óptica em São Paulo, Rio, Belo Horizonte e Porto Alegre, a empresa já sairia bem na frente na operação de voz sobre protocolo de Internet (VoIP), que é o futuro próximo da telefonia?, observou um desses analistas, lembrando que a Vésper, recém-adquirida pela Embratel, é insuficiente para oferecer essa possibilidade.
Vale lembrar que a Embratel e a Net já conversaram sobre parcerias no passado e que a Telmex já manifestou a vontade de adquirir ativos, inclusive em TV paga, na América Latina. Por enquanto, entretanto, não existem sinais de negociação concreta em curso. A Net, assim como a Globopar, estão concentradas em finalizar seus respectivos reequacionamentos financeiros. No caso da Net, o acordo econômico com os credores está fechado e falta o acerto formal. No caso da Globopar, analistas dizem que as linhas gerais com os credores também estariam definidas, mas nesse caso não se trata de uma informação oficial.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

Top