OUTROS DESTAQUES
Bolsa de valores
Incertezas afetam ações da Embratel
quarta-feira, 14 de Abril de 2004 , 19h42 | POR REDAÇÃO

A forte atuação do consórcio Calais contra a proposta de compra feita pela Telmex, a reação do senador Hélio Costa pedindo adiamento da venda da Embratel à Telmex e as declarações do presidente do BNDES favoráveis ao consórcio das teles provocaram fortes especulações com ações da Embratel no mercado.
Vale observar que voltaram a subir as ações ordinárias, com direito a voto e tag along. Com as novas manifestações, a alta foi de mais 4%. Nesta quarta-feira, 14, o papel atingiu R$ 13,15.
É a aposta de que o consórcio das teles conseguirá desmanchar o negócio da Telmex, elevando o preço da empresa e, em conseqüência, das ON.
Já as ações preferenciais, em sentido inverso, voltaram a cair cerca de 6% em uma semana. A idéia é que a empresa será fatiada e esvaziada se o consórcio Calais vencer.
Mas atenção: boa parte dos analistas ouvidos por TELETIME News aposta numa recuperação das PN, com target prices variando de R$ 11 a R$ 12,50. O que pode significar um ganho entre 30% e 46%.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

Top