OUTROS DESTAQUES
Fundos
Previ não aumentará investimentos em telecom em 2004
quinta-feira, 11 de Março de 2004 , 18h24 | POR REDAÇÃO

A Previ, maior fundo de pensão do país, não pretende aumentar seus investimentos no setor de telecomunicações em 2004. ?Esperamos apenas que haja a valorização das ações que temos hoje de empresas do setor?, disse Sergio Rosa, presidente da Previ. O fundo de pensão, além de deter ações em Bolsa de empresas de telecomunicações, faz parte dos blocos de controle da Brasil Telecom, da Telemig Celular, da Amazônia Celular e da Telemar (nesta último sem direito a ingerência política por já participar do conselho de administração da Brasil Telecom). Em 2004 o fundo de pensão pretende dedicar mais atenção a novos investimentos em renda fixa e títulos públicos.

Resultados

A Previ divulgou nesta quinta-feira, 11, seus resultados de 2003. O fundo de pensão obteve um superávit de R$ 7,67 bilhões que permitiu a reversão de um passivo acumulado de R$ 3,6 bilhões nos dois anos anteriores. O bom resultado de 2003 se deveu especialmente à alta rentabilidade de 43,84% dos investimentos em renda variável. Na média, a rentabilidade da carteira da Previ foi de 35,43% em 2003, bem acima dos 14,13% previstos como meta atuarial para o ano.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

Top