OUTROS DESTAQUES
Fornecedores
ZTE investirá US$ 10 milhões no Brasil
quinta-feira, 04 de Março de 2004 , 13h33 | POR REDAÇÃO

A empresa chinesa ZTE investirá US$ 10 milhões no Brasil nos próximos dois anos. Parte deste montante será destinado à fábrica que está sendo montada em Barueri, interior de São Paulo. O parque industrial terá inicialmente 100 funcionários e começará a operar no segundo semestre deste ano, apenas para o atendimento do mercado brasileiro. A unidade produzirá estações radiobase (ERBs) CDMA e portas de acessos em banda larga (DSLAM) para telefonia fixa.
Até o momento, a empresa já investiu US$ 3 milhões no País, mas mantém apenas um contrato de fornecimento de estações radiobase WLL CDMA para a operadora espelhinho Tmais. Segundo o presidente mundial da ZTE, Ying Yiming, a América Latina tem um grande potencial e, no futuro, a fábrica de Barueri poderá produzir equipamentos para exportações para todos os países latinos.
Yiming acredita que ainda este ano terá bom desempenho no País e prevê um faturamento de US$ 30 milhões. No entanto, o executivo não revela qual sua estratégia para alcançar tal objetivo, apenas afirma que a ZTE está em negociação com várias operadoras brasileiras, tanto fixas quanto móveis.
A ZTE espera, em dois a três anos, dobrar a participação dos países fora da China em sua receita total. Em 2003, quando a fabricante faturou US$ 3,46 bilhões, 25% foram gerados fora do país de origem. A empresa espera que o índice seja de 50% e que a América Latina represente um oitavo desta receita.
Além da fábrica local, a empresa chinesa pretende criar no Brasil um centro de pesquisa e desenvolvimento e negocia com uma instituição de ensino local para viabilizar essa intenção. Em um ou dois meses, segundo Yiming, o contrato com a instituição estará fechado. Ele afirma que tradicionalmente cerca de 10% do faturamento total da ZTE é investido em P&D, em diversos países.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

Top