OUTROS DESTAQUES
Política
Seguem as especulações sobre a montagem no novo Minicom
quarta-feira, 28 de Janeiro de 2004 , 22h16 | POR REDAÇÃO

Continuam fortes as especulações sobre a composição do segundo escalão do ministério das comunicações. Após a cerimônia de posse nesta terça, 27, Eunício Oliveira anunciou apenas o convite ao ex-deputado e ex-ministro da desburocratização do Governo Sarney, o cearense Paulo Lustosa, possivelmente para a secretaria executiva.
Aparentemente, o novo ministro deve manter as boas relações de seu antecessor com a Fittel (Federação Interestadual de Trabalhadores em Empresas de Telecomunicações), mas isso não significa que a Fittel indicará nomes para a composição da equipe. A chefia do gabinete do ministro será exercida por Jorge da Mota e Silva. Para a secretaria de serviços de telecomunicações, a tendência do ministro seria de indicar como secretário o professor Márcio Wohlers de Almeida, assessor especial do ministro Miro Teixeira e uma das mãos que conduziu o projeto de construção do futuro Serviço de Comunicações Digitais – SCD, uma das principais metas do governo. Wohlers também acompanha diretamente a questão da TV digital pelo Ministério das Comunicações.
Para a secretaria de serviços de comunicação social eletrônica, ainda não há nomes consensuais. Há quem aposte que, pela sensibilidade do cargo (que lida diretamente com o setor de radiodifusão), esta será uma secretaria da qual o PT não abrirá mão.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

Top