OUTROS DESTAQUES
Venda da Embratel
Governo não intervirá nas negociações
quarta-feira, 21 de Janeiro de 2004 , 19h59 | POR REDAÇÃO

Fonte de nível ministerial assegurou ao TELETIME News que "a MCI e a Embratel são as únicas donas da decisão de venda da operadora brasileira". Cumprindo aquilo que está escrito na Lei Geral de Telecomunicações, vendem por quanto quiser, para quem quiser. O governo, segundo a fonte, está apenas na posição de observador e, garante, deixará todo o acompanhamento do processo e as gestões que forem necessárias nas mãos da Anatel.
E o interesse nacional no que diz respeito aos satélites administrados pela Embratel?
"Esse é de fato nosso único interesse direto, mas não está condicionado à administração de uma companhia de capital nacional ou estrangeiro, mesmo porque outros sistemas estratégicos, como o Sistema de Vigilância da Amazônia, também foram montados por estrangeiros", diz a fonte.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro independente de debate e reflexão sobre políticas setoriais dos setores de telecomunicações e Internet. Organizado há 17 edições pela TELETIME e pelo Centro de Estudos de Políticas de Comunicações da Universidade de Brasília (CCOM/UnB), o evento congrega reguladores, formuladores de políticas, acadêmicos, empresas e analistas para um debate aberto sobre os temas mais relevantes e que serão referência ao longo do ano. Em 2018, estão em discussão uma agenda possível para o setor, o impacto do cenário eleitoral sobre as telecomunicações, a atuação  do Congresso Nacional sobre as políticas do setor de telecomunicações e Internet e as referências regulatórias internacionais.

20 de Fevereiro
, ,
EVENTOS

Principal encontro independente de debate e reflexão sobre políticas setoriais dos setores de telecomunicações e Internet

20 de Fevereiro
 
Top