OUTROS DESTAQUES
Tarifas
Telefônica adere a pedido de suspensão de liminar no STJ
quinta-feira, 15 de Janeiro de 2004 , 17h26 | POR REDAÇÃO

A Telefônica integrou-se ao grupo das concessionárias Brasil Telecom, CTBC Telecom, Sercomtel e Telemar em mais uma tentativa de derrubar a liminar da 2ª Vara da Justiça Federal do Distrito Federal que estabeleceu o IPCA como índice para o reajuste das tarifas de telefonia no lugar do IGP-DI. A tele encaminhou nesta quinta, 15, pedido ao Superior Tribunal de Justiça (STJ) para ser incluída como litisconsorte ativo no pedido de suspensão de liminar que as outras teles locais impetraram no último dia 12.
No dia 11 de dezembro, do vice-presidente do Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF-1), Carlos Fernando Mathias, já havia negado uma suspensão de segurança das concessionárias por "não apresentar manifesto interesse público e por não ter o objetivo de evitar grave lesão à ordem, à saúde, à segurança e à economia públicas".
A novo pedido de suspensão foi encaminhado ao ministro presidente do STJ, Nilson Naves, e deve ser apreciado nos próximos dias. De acordo fonte próxima à Telefônica, a prioridade da empresa é conseguir dar andamento ao julgamento do mérito da ação de primeira instância e dos agravos de instrumento que estão no TRF-1, o que só deve acontecer em fevereiro, quando termina o recesso do Judiciário.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

Top