OUTROS DESTAQUES
Banda larga
Telefônica oferece novos planos para o Speedy
quarta-feira, 10 de setembro de 2003 , 21h44 | POR REDAÇÃO

A Telefônica mudou os planos de consumo de seu serviço Speedy de banda larga, em ADSL. Desde a última segunda feira, 8, os consumidores atendidos pela operadora têm à disposição conexões com taxas de conexão de 300 kbps, 450 kbps e 600 kbps, no lugar das antigas de 256 kbps, 512 kbps e 2 Mbps. A grande diferença é que agora são oferecidos planos com preços referentes a volumes máximos de dados trafegados mensalmente, com cobrança adicional prevista para os bytes excedentes. Com o acesso de 300 kbps, o usuário tem direito a utilizar até 3 Gb por mês. Com 450 kbps, acessa mensalmente até 10,5 Gb e com 600 kbps, 10,5 Gb. Nos planos anteriores, os acessos eram ilimitados.
Outra mudança foi a redução dos custos de provimento de acesso. A operadora reduziu a cobrança mensal dos provedores de cerca de R$ 45 para R$ 7 por assinante, de tal forma que a mensalidade caiu de R$ 55 para R$ 19,90, em média. Nos três primeiros meses com os novos planos, o usuário não terá de pagar pela ultrapassagem dos limites estipulados nos pacotes. Após este prazo, o megabyte excedente custará R$ 0,10.
Em uma simulação, para o link de 600 kbps, o custo mensal do acesso ao assinante, incluindo-se assinatura, provimento de acesso e o aluguel do modem ADSL, sai por 195,80. O acesso com taxa de transmissão mais próxima no modelo anterior, de 512 kbps, sai por R$ 285. Os planos antigos permanecem agora apenas para quem fez a opção pelo serviço antes desta semana.
A novidade é uma das formas encontradas pela Telefônica para adequar o seu ADSL ao bolso do público, com a contrapartida do limite no acesso ao serviço.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

Top