OUTROS DESTAQUES
Banda larga
BrT quer fechar 2003 com 385 mil acessos ADSL
terça-feira, 19 de agosto de 2003 , 15h39 | POR REDAÇÃO

A Brasil Telecom pretende chegar ao final do ano com 385 mil acessos ADSL instalados e 315 mil em serviço. Atualmente, a operadora tem cerca de 220 mil clientes de seu serviço de acesso a Internet em banda larga, que é oferecido em 331 municípios da sua área de atuação. No fim do ano passado o número de clientes ADSL era de 140 mil e a expectativa da empresa é dobrar o número de clientes a cada ano. Desde 2001, a BrT vem investindo R$ 120 milhões neste serviço. Do total de clientes, 10% são usuários corporativos. A BrT oferece três modalidades de acesso: 1) Turbo – para assinantes residenciais, com três velocidades de acesso e preço da mensalidade variando entre R$ 79,90 e R$ 199; 2) Turbo Lite – franquia de 50 minutos de uso, mensalidade no valor de R$ 49,90 e valor adicional de R$ 2,95 por hora adicional; e 3) Turbo Empresas – para clientes corporativos, com três velocidades, cujas mensalidades variam entre R$ 119,90 e R$ 593,44. Na opinião de Waldir Morgado, diretor de produtos e serviços da BrT, a maior barreira de entrada ao serviço tem sido o preço. A expectativa é que quando a BrT atingir os 500 mil assinantes seja possível haver queda no preço das mensalidades.
Para impulsionar o serviço, a empresa procurou ainda aperfeiçoar sua relação com o cliente, investindo na melhoria da qualidade do atendimento. O call center da operadora é interligado aos call centers das empresas fornecedoras de modems e dos provedores de acesso. Também houve investimentos na reciclagem dos técnicos e no software de auto-atendimento (uma das modalidades de instalação do serviço). No segundo trimestre deste ano a receita de dados da BrT foi de R$ 181,2 milhões, o que corresponde a 6,7% da receita total da operadora.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

Top