OUTROS DESTAQUES
Controle acionário
Miro recebe defesa da MCI
segunda-feira, 11 de agosto de 2003 , 18h00 | POR LETÍCIA CORDEIRO

O ministro das Comunicações, Miro Teixeira, afirmou nesta segunda, 11, ter recebido da Embratel o documento de defesa que a MCI, sua controladora, encaminhou às autoridades norte-americanas que investigam supostas irregularidades em contratações públicas.
De acordo com o ministro, a Embratel demonstrou que os ativos estão separados e que, com a suspensão da concordata da WorldCom, a desvinculação será total.
O ministro afirmou ainda estar tranqüilo com relação à continuidade da operação e dos investimentos da Embratel no Brasil.
?Se a WorldCom quiser transferir a participação que tem na Embratel, precisará passar pela aprovação do governo brasileiro. E o mais importante é a abordagem da nossa legislação, que diz que ela não o poderá fazer?, comentou Miro Teixeira.
As irregularidades, se confirmadas, podem vir a ser um impedimento para a carrier adquirir a Vésper. A Embratel informou o ministro, há cerca de duas semanas, de que tinha uma carta de opção de compra da espelho.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

Top