OUTROS DESTAQUES
Telemig Celular
Fundos contestam aprovação da compra da parte da TIW
quinta-feira, 07 de agosto de 2003 , 19h28 | POR REDAÇÃO

Os fundos de pensão protocolaram na Anatel na quarta, dia 6, um contestação formal à aprovação, pela superintendência de serviços privados, da operação de compra da participação da TIW na Telemig e Amazônia Celular pela empresa Highlake International Business (controlada pelo Opportunity Fund). Os fundos, que também são sócios nas duas teles celulares, enfrentam há anos o Opportunity, inclusive na Justiça, para que possam ter voz ativa no controle das empresas. Com a saída da TIW, o Opportunity garantiu estabilidade na posição de controlador das companhias e, na prática, isolou os fundos.
A decisão da superintendência, adiantada por este noticiário na semana passada, não é pública e também não é ainda oficial. Ela foi encaminhada ao Conselho Diretor da agência, que deliberará sobre a matéria, inclusive podendo reverter a posição da superintendência.
Pesava contra a operação o fato de o Opportunity Fund não aparecer, nos registro da CVM e da Anatel, como acionista da Telemig e da Amazônia Celular. A aquisição pela Highlake da parte da TIW representaria, então, mudança de controle. O grupo Opportunity, por seu lado, argumentou que já tinha o controle da companhia por meio de outras empresas ligadas ao Opportunity Fund e que o próprio Opportunity Fund era sim acionista indiretamente das teles celulares, com ações que totalizavam 0,006% da Futuretel (a última empresa na cadeia societária da Telemig e da Amazônia Celular).

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

Top