OUTROS DESTAQUES
Mercado
Previ, Petros e Funcef estudam criação de fundo para telecom
terça-feira, 27 de Maio de 2003 , 18h25 | POR FERNANDO PAIVA

Os fundos de pensão Previ, Petros e Funcef formaram um grupo de estudo para avaliar a possibilidade de criar fundos setoriais. A idéia é unir as participações acionárias das entidades em diversas empresas de um mesmo setor em um único fundo. Entre os setores mais visados estão telecomunicações e de energia. As fundações são acionistas de diversas operadoras de telefonia, como Telemar, Brasil Telecom, Telemig Celular e Amazônia Celular. A previsão é de que os fundos setoriais sejam criados ainda este ano, de acordo com o presidente da Funcef, Guilherme Lacerda.
A longo prazo a iniciativa não se limitará ao trio Previ, Petros e Funcef. Eles pretendem convidar também o BNDES e alguns fundos de pensão internacionais para integrar os fundos setoriais, explicou o presidente da Petros, Wagner Pinheiro.

Opportunity

Outra demonstração de união entre os três fundos de pensão é a reafirmação de que Previ, Petros e Funcef procuram uma solução em conjunto para o impasse com o Opportunity nas operadoras em que são sócios do banco gestor. "A briga segue na Justiça. Estamos atuando em bloco e procurando uma solução única", declarou Pinheiro, da Petros. Ou seja: dificilmente propostas envolvendo apenas um dos três fundos serão aceitas, como aquela entregue à Previ pelo Opportunity para descruzamento de ações em telecom.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

Top