OUTROS DESTAQUES
SMP
Anatel garante escolha do CSP a partir de 1º de maio
terça-feira, 22 de Abril de 2003 , 19h53 | POR REDAÇÃO

Na avaliação do superintendente de serviços privados da Anatel, Jarbas José Valente, o processo para implantação do Código de Seleção de Prestadora (CSP) para as ligações de longa distância no SMP, a partir do próximo dia 1º de junho, está bem encaminhado. Ele afirmou que as empresas de SMP e as prestadoras de longa distância vêm colaborando com a Anatel em três grupos de trabalho: um para os aspectos técnicos da interconexão, um segundo discutindo as questões comerciais e de pagamentos, e um terceiro que trata da divulgação da mudança.
De acordo com o superintendente, tudo deverá estar pronto na data prevista, sendo que a campanha de esclarecimento da Anatel na mídia deverá começar na segunda quinzena de maio. O novo sistema terá um período de convivência de quatro meses em que as chamadas encaminhadas pelo método tradicional (sem o CSP) serão cursadas normalmente.
Ainda de acordo com Jarbas Valente, a Anatel prevê adotar um sistema progressivo de interceptação das chamadas sem o CSP para esclarecer o usuário.

Contas unificadas

Jarbas Valente lembrou que não há obrigatoriedade de apresentação de contas unificadas em que as prestadoras de longa distância compartilharão as faturas com as operadoras do SMP. Mas toda a regulamentação e os custos para que isto se dê, facilitando a vida do usuário, já está montada e prevista, bastando que as operadoras estabeleçam os seus contratos de compartilhamento.
O superintendente disse acreditar em um período de grandes promoções entre as operadoras de longa distância do STFC (que querem conquistar os clientes do serviço móvel) e das operadoras de SMP (que querem manter a fidelidade de seus usuários). Praticamente todo o sistema móvel (com exceção da CTBC Telecom, Telemig Celular e Amazônia Celular, que não migraram) estará enquadrado no novo sistema. Mas, mesmo os usuários destas empresas "não migrantes" quando estiverem em roaming, após os quatro meses de convivência dos dois sistemas, terão que utilizar o CSP para fazer suas ligações de longa distância. Ao contrário, um usuário de SMP quando em roaming com uma destas empresas, não deverá utilizar o CSP.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

Top