OUTROS DESTAQUES
Pegasus: confusão nos argumentos
segunda-feira, 15 de Janeiro de 2001 , 20h37 | POR REDAÇÃO

Na apresentação da estratégia da empresa, o presidente da Telemar, Manuel Horácio, também defendeu o recente aumento da participação da empresa no capital da carrier de carriers Pegasus, controlada por alguns controladores da própria Telemar, como a AG Telecom. Disse que a aquisição visa fechar a estratégia de entrada em regiões onde a companhia ainda não está. "Houve toda uma avaliação sobre isso, o ABN comprou um pedaço, o Banco do Brasil comprou outro e nos ofereceu", disse ele. "Nós achamos que ao preço que foi oferecido, valia a pena ter entrado". Manuel Horácio ressaltou, porém, que não há qualquer acordo operacional entre a Telemar e a Pegasus. "Só entramos como acionista preferencial". Sobre os números da Pegasus, desconhecidos para o mercado financeiro, tudo continua um mistério. Apesar de ser uma S.A., ainda que fechada, a empresa não fornece qualquer dado sobre seu desempenho econômico-financeiro.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

Top