OUTROS DESTAQUES
Em três anos, dois novos satélites. Até maio, Internet em banda larga
quinta-feira, 21 de dezembro de 2000 , 20h20 | POR REDAÇÃO

Segundo Soffiatti, o plano de negócios da StarOne (marca ainda não anunciada comercialmente) tem três diretrizes básicas: 1) Conseguir total cobertura da América Latina, incluindo México. Para isso, a operadora deve lançar até dois novos satélites em um horizonte de três anos, participando de licitações da Anatel para posições orbitais e sempre tentando conseguir a banda Ku; 2) Prover serviços de Internet via satélite em banda larga; e 3) Levar os serviços ao mercado residencial e de pequenas e médias empresas. Para atingir os dois últimos objetivos, a Embratel já está realizando testes com equipamentos de banda larga satelital da Gilat e também com provedores de acesso e conteúdo. Segundo Soffiatti, isto não significa que estes serão os parceiros definitivos, que ainda devem ser escolhidos. A idéia é que os serviços comecem a ser oferecidos até maio.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

Top