OUTROS DESTAQUES
Saem os resultados de qualidade das celulares para outubro
sexta-feira, 17 de novembro de 2000 , 19h49 | POR REDAÇÃO

A Anatel divulgou nesta sexta, dia 17, as metas de qualidade dos protocolos de compromissos das empresas celulares. Os problemas ainda estão concentrados na taxa de atendimento dos call centers e na taxa de chamadas completadas. No mês de outubro, 26 empresas conseguiram cumprir todas as metas. Confira as metas que não foram alcançadas pelas operadoras:
Taxa de reclamações: Telma Celular (4,34% para uma meta de 3,8%)
Taxa de atendimento do call center em menos de 10 segundos: Telaima Celular (68,49% para uma meta de 75%); Telamazon Celular (68,49% para uma meta de 75%); Teleamapá Celular (68,49% para uma meta de 75%); Telma Celular (68,49% para uma meta de 75%)
Taxa de resposta ao usuário em reclamações por carta em até cinco dias: ATL (92,8% para uma meta de 95%)
Taxa de atendimento ao público nas lojas em até 10 minutos: Telpe Celular (69,97% para uma meta de 70%)
Taxa de chamadas originadas completadas: Telemig Celular (52,5% para uma meta de 55%); Global Telecom (54,93% para uma meta de 56,62%); Teleacre Celular (49,96% para uma meta de 53%); Telems Celular (51,35% para uma meta de 53%); Teleron Celular (51,49% para uma meta de 53%); Americel (55,15% para uma meta de 57%); Telaima Celular (51,11% para uma meta de 53,9%); Telamazon Celular (51,91% para uma meta de 54,1%); Teleamapá Celular (49,71% para uma meta de 54,6%); Telepará Celular (45,66% para uma meta de 54%); Telma Celular (52,84% para uma meta de 54%); NBT (45,4% para uma meta de 53%)

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

Top