OUTROS DESTAQUES
Sem interesse na longa distância
segunda-feira, 30 de outubro de 2000 , 19h57 | POR REDAÇÃO

Para Márcio Kaiser, não deve haver interesse das operadoras de celular pelo segmento da longa distância, especialmente pelos altos custos de promoções de marketing e publicidade para competir com as fixas já devidamente estabelecidas: "Nosso negócio é a mobilidade, e não a distância", justifica.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

Top