OUTROS DESTAQUES
Siemens admite erro ao não priorizar wireless no Brasil
quarta-feira, 23 de junho de 1999 , 22h45 | POR REDAÇÃO

Um diretor da Siemens admite que houve erro estratégico quando a empresa definiu suas prioridades, do ponto de vista mundial, e não incluiu o wireless para o Brasil. O resultado foi que, embora seja forte nos sistemas wireless nos Estados Unidos e Europa, a empresa acabou ficando de fora deste mercado no Brasil, porque não desenvolveu tecnologia para os padrões americanos aqui utilizados (Amps, TDMA e CDMA). Agora, espera poder participar deste mercado por meio das tecnologias Wireless Local Loop (WLL) e PCS. No caso da WLL, a Siemens considera difícil fornecer para as empresas-espelho, porque elas já têm seus parceiros, mas existe uma esperança ainda em relação às incumbents. Quanto ao PCS, a empresa está se concentrando no desenvolvimento deste mercado, investindo em pesquisa e desenvolvimento e em formação de pessoal.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

Top