OUTROS DESTAQUES
Fronteira para defesa do câmbio
quarta-feira, 26 de Maio de 1999 , 22h03 | POR REDAÇÃO

Até onde o Banco Central defenderá o real contra novo processo de alta do dólar? Com pequenas diferenças, gestores de risco de companhias de asset management ouvidas por TELETIME News acreditam que as autoridades nada farão enquanto o dólar não ultrapassar uma fronteira variável de R$ 1,75 a R$ 1,78. Alto funcionário do Ministério da Fazenda, que não quis sugerir um valor, considerou "razoáveis" os números estimados pelo mercado. Acredita-se, de qualquer forma, que a tendência é de "alta moderada", até que se definam a situação argentina e a política de juros do Federal Reserve dos Estados Unidos.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

Top