OUTROS DESTAQUES
As 48 razões para inabilitação do Montemil
quinta-feira, 24 de setembro de 1998 , 00h20 | POR REDAÇÃO

Segundo relatório da Comissão de Licitação, o consórcio Montemil deixou de cumprir nada menos que 48 itens do edital. Os exemplos mais flagrantes de descumprimento: nenhuma das empresas do consórcio apresentou sua composição acionária; nenhuma das empresas apresentou documento que comprove sua condição de prestadora de serviços de telecomunicações; nenhuma das empresas comprovou experiência exigida pelo edital, nem número de linhas instaladas; não há indicação de profissional detentor de Anotação de Responsabilidade Técnica; não há documento que comprove a existência do consórcio (relação entre as empresas); não há projeto técnico. Há também diversos descumprimentos formais como falta de tradução de documentos, falta de representantes das empresas no Brasil e outros.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

Top