OUTROS DESTAQUES
Mudança de posições societárias
quinta-feira, 30 de julho de 1998 , 19h50 | POR REDAÇÃO

Até a assinatura dos contratos de concessão entre as empresas que venceram o leilão das teles e a Anatel, muita coisa pode acontecer na composição dos consórcios. De cara, a Telefónica deve assumir 36% da Telesp Celular. E a Portugal Telecom ainda deve negociar mais 13% da empresa, até ficar apenas com o controle. A Telefónica também precisará rever a sua participação na CRT, já que pela regulamentação uma mesma empresa não pode controlar duas teles fixas. Segundo fontes do mercado, uma das principais dificuldades para que se saiba exatamente quem pode participar de cada empresa é o fato de que, até agora, o governo não divulgou nenhuma relação detalhada com a participação percentual de cada empresa nos consórcios.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

Top