OUTROS DESTAQUES
"Mais telefones para os brasileiros"
quinta-feira, 16 de julho de 1998 , 20h00 | POR REDAÇÃO

Guerreiro afirma que a incidência do imposto sobre a habilitação deve afastar dos benefícios da telefonia uma significativa parcela da população de baixo poder aquisitivo. Relembrando que a diminuição do valor da habilitação foi um dos principais objetivos do ministro Sérgio Motta, "tanto que esta é chamada tarifa Sérgio Motta", Guerreiro lamentou a incidência do imposto sobre a habilitação. Para o presidente da Anatel, a habilitação não é um serviço de telecomunicações, porque o serviço de telecomunicações implica a transmissão de informações. "A habilitação é o começo do serviço. Serviço mesmo é o que vem depois".

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro independente de debate e reflexão sobre políticas setoriais dos setores de telecomunicações e Internet. Organizado há 17 edições pela TELETIME e pelo Centro de Estudos de Políticas de Comunicações da Universidade de Brasília (CCOM/UnB), o evento congrega reguladores, formuladores de políticas, acadêmicos, empresas e analistas para um debate aberto sobre os temas mais relevantes e que serão referência ao longo do ano. Em 2018, estão em discussão uma agenda possível para o setor, o impacto do cenário eleitoral sobre as telecomunicações, a atuação  do Congresso Nacional sobre as políticas do setor de telecomunicações e Internet e as referências regulatórias internacionais.

20 de Fevereiro
, ,
EVENTOS

Principal encontro independente de debate e reflexão sobre políticas setoriais dos setores de telecomunicações e Internet

20 de Fevereiro
 
Top