OUTROS DESTAQUES
Conseqüências na privatização
quarta-feira, 15 de julho de 1998 , 22h55 | POR REDAÇÃO

Com tudo isso, quem comprar as empresas celulares do Sistema Telebrás leva também uma dívida a ser paga de pelo menos R$ 200 milhões. Mais um dos argumentos para desvalorizar o preço das teles no leilão. A tomada de posição do Confaz foi uma bomba para a Telebrás. Durante boa parte do período da manhã desta quarta, dia 15, a diretoria da empresa esteve reunida e, no meio da tarde, o presidente da empresa, Fernando Xavier, foi até o Ministério das Comunicações conversar com o ministro Luiz Carlos Mendonça de Barros antes de anunciar uma decisão sobre o assunto. Logo depois da entrada de Xavier chegou Renato Guerreiro, presidente do Conselho Diretor da Anatel. Foi tratar do mesmo assunto.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

Top