OUTROS DESTAQUES
Venda necessária
quinta-feira, 02 de julho de 1998 , 18h25 | POR REDAÇÃO

A pressa da prefeitura em resolver a questão está ligada à necessidade de fazer o leilão da Ceterp antes da venda da Telebrás. O leilão está previsto para o próximo dia 24, mas o prefeito não afasta a possibilidade de adiamento. Se a Ceterp não for vendida antes da Telebrás, no futuro somente poderá ser vendida ao controlador da Telesp, com uma desvalorização óbvia pela impossibilidade de leilão. Apesar da reunião entre prefeitura e fundos ter sido realizada no Minicom em Brasília, ninguém do ministério participou. O prefeito de Ribeirão disse que o ministro é apenas um mediador no assunto. Apesar disso, a prática do governo em relação aos fundos de pensão de empresas estatais sempre foi de controlar suas participações nas privatizações, como ocorreu na venda das empresas do setor siderúrgico e da Vale do Rio Doce. Aguarda-se então o movimento do "mediador" em busca de uma solução.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

Top