OUTROS DESTAQUES
Estratégia da MCI no Brasil
terça-feira, 09 de junho de 1998 , 21h35 | POR REDAÇÃO

Fontes ouvidas por TELETIME News revelam que a operadora norte-americana de longa distância MCI não está verdadeiramente interessada na compra da Embratel, muito embora tenha pago a entrada no data room da companhia. "A empresa pagou apenas para ter todas as informações e para confundir a sua maior concorrente, a também americana Sprint", garante uma fonte.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

Top