OUTROS DESTAQUES
Pedidos contra a Telesat
sexta-feira, 19 de fevereiro de 1999 , 19h17 | POR REDAÇÃO

A America Star diz que a Telesat não apresentou, em uma série de documentos de sua habilitação técnica, a assinatura ou chancela do órgão de direito público ou privado que comprovem sua legitimidade. Da mesma forma, existem uma série de declarações que sequer foram traduzidas para o português. Além disso, ao relacionar seu quadro de profissionais, a Telesat não indica a anotação de responsabilidade técnica exigida pelo edital. A Telesat também, segundo a America Star, descreveu uma grande gama de serviços que pretende operar, sem, porém, possuir outorga para tanto. A impugnação afirma também que os transponders descritos pela empresa garantem a cobertura de toda a América do Sul, não explicitando qual parte deste total é alocada exclusivamente ao território brasileiro. A Telesat não indicou também a taxa de conversão para a moeda brasileira, impossibilitando a verificação de cálculo do índice de solvência.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS
Não Eventos
EVENTOS
Não Eventos
Top