OUTROS DESTAQUES
Como fica a fiscalização das metas de qualidade
quarta-feira, 19 de janeiro de 2000 , 22h14 | POR REDAÇÃO

A diferença na forma de medir poderá provocar problemas com diversas empresas na hora de cobrar as metas de qualidade. Renato Guerreiro, presidente da Anatel, afirma que os dados fornecidos pelas empresas serão auditados por uma empresa contratada pela agência especificamente para este fim. O mês de janeiro já está no meio e, até agora, nem o regulamento nem a empresa que deverá auditar os resultados apresentados pelas operadoras foram definidos. Isso pode significar que a agência estará sem condições objetivas de exigir das empresas o cumprimento das metas de qualidade ainda no mês de janeiro.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Comece o ano com um debate atualizado e aprofundado sobre os principais pontos da pauta política e regulatória do setor de Comunicações para o ano de 2019, as perspectivas para o novo governo e para o trabalho da Anatel, além de discussões aprofundadas sobre o modelo de regulação por incentivos e a aplicação  e implicações da Lei de Proteção de Dados para o setor de telecomunicações.

19 de fevereiro
Auditório Finatec, DF, Brasil
EVENTOS

Comece o ano com um debate atualizado e aprofundado sobre os principais pontos da pauta política e regulatória do setor de Comunicações para o ano de 2019, as perspectivas para o novo governo e para o trabalho da Anatel, além de discussões aprofundadas sobre o modelo de regulação por incentivos e a aplicação  e implicações da Lei de Proteção de Dados para o setor de telecomunicações.

19 de fevereiro
Auditório Finatec, DF, Brasil
Top